Monumentos de entrada livre em Lisboa ao domingo e aos feriados

Cheios de história e conhecimento, os monumentos espalhados pela capital são pontos de visita obrigatória tanto para os lisboetas como para os seus visitantes. A novidade é que pode visitar alguns dos muitos monumentos espalhados pela cidade gratuitamente aos domingos e aos feriados. Tire notas e planeie um dia cheio de cultura e história pela cidade de Lisboa.

Os monumentos sob tutela da Direção Geral do Património Cultural têm agora entrada livre aos domingos e feriados para os residentes em território nacional. A medida que só abrangia o período até às 14 horas de domingo, passou a contemplar o dia inteiro aos domingos e feriados. Na lista de monumentos incluídos na iniciativa, três estão declarados como Património Mundial da UNESCO.  A iniciativa destina-se apenas a residentes em território nacional, por isso não se esqueça de levar consigo um documento comprovativo de residência caso seja solicitado à entrada.

Praça do Império, Praça do Império, 1400-206 Lisboa, Portugal
Terça a Domingo das 10h00 às 17h00

Mosteiro dos Jerónimos

Belém e Restelo

Obra-prima da arquitetura portuguesa do século XVI, está classificado como Monumento Nacional e inscrito na lista de Património Mundial da UNESCO desde 1983. O seu nome deve-se aos monges da Ordem de São Jerónimo que o habitaram.

Entre o muito que tem para admirar, destacam-se as fachadas, sobretudo a Porta Sul, a Igreja, os Claustros e a Capela-Mor, onde estão sepultados os reis D. Manuel I e o seu filho D. João II. Neste emblemático Mosteiro descansam ainda algumas históricas figuras, como o navegador Vasco da Gama e o poetap...

Modelo 3D da Torre de Belém em Lisboa, Av. Brasília, 1400-038 Lisboa, Portugal

Torre de Belém

Belém e Restelo

Símbolo de Lisboa e de Portugal no mundo, este emblemático monumento é Património da UNESCO desde 1983 e um exemplo do expoente máximo da arquitetura manuelina, com os vários motivos marítimos, que denuncia a sua construção no reinado de D. Manuel I (1495-1521). No interior vale a pena subir ao último piso para admirar as incríveis vistas sobre o Tejo, para a zona de Belém e para a Margem Sul.

Largo da Ajuda 36, 1300 Lisboa, Portugal
Sexta a Quarta das 10h às 17h

Palácio Nacional da Ajuda

Ajuda

Situado no alto da colina da Ajuda, com vista deslumbrante sobre o rio Tejo, o Palácio Nacional da Ajuda, antigo palácio real e monumento nacional, é hoje um magnífico museu e o único palácio visitável em Lisboa que ainda conserva, de um modo fidedigno, a disposição e decoração das salas ao gosto do séc. XIX, nomeadamente os aposentos dos monarcas e a Sala do Trono. Agora pode-se ainda visitar a mais recente ala do Palácio, que foi criada para receber o Museu do Tesouro Real.

Campo de Santa Clara, Lisboa, Portugal
Terça a domingo: das 10h às 17h

Panteão Nacional

Baixa

Situado na Igreja de Santa Engrácia, o Panteão Nacional destina-se a homenagear grandes figuras portuguesas que se distinguiram por serviços prestados a Portugal, como cargos públicos, militares, científicos e artísticos. O Panteão Nacional ergue-se numa das colinas da cidade e exibe um miradouro com vista privilegiada sobre o rio Tejo.

Descubra mais

Leilão Solidário do Rock in Rio

O Leilão Solidário organizado pelo Rock in Rio termina já no próximo dia 10 de julho e este ano conta com guitarras autografadas por Liam Gallagher, The National, Bush, Post Malone, Ney Matogrosso, Muse, a-ha, entre outros artistas, bolas oficiais da próxima época da Liga Portuguesa de Futebol autografadas por diversas artistas, e painéis originais […]

Marchas Populares em Lisboa

As Marchas Populares de Lisboa estão de regresso à cidade, após uma pausa de dois anos, devido à pandemia Covid-19. O evento, que se tornou popular nos anos 30 do século XX, mostra as singularidades e características dos bairros lisboetas com um desfile pela Avenida da Liberdade cheio de música, cor e tradição. As primeiras […]

Gato Preto cria edição limitada para o Rock in Rio

O Gato Preto é o patrocinador oficial da área VIP do Rock in Rio Lisboa e para assinalar a sua presença no festival lançou a coleção “Gatos do Rock”, composta por seis canecas e seis pratos numa edição limitada. As peças representam subgéneros do rock: punk rock, hard rock, indie rock, rock psicadélico, glam rock […]