Prepare o regresso às aulas

© Nit

O regresso às aulas é sempre um momento de grandes expectativas, de reencontros e de descobertas em que os estudantes preparam-se para embarcar num novo ciclo de aprendizagem, mas esta também é a altura ideal para relembrar uma prática que beneficia não só os alunos, mas também o meio ambiente: a preservação e reutilização dos manuais escolares. Reutilizar manuais escolares é uma opção consciente que além de reduzir o desperdício, alivia a carga financeira das famílias. Muitos estudantes têm manuais do ano anterior em boas condições que podem ser usados novamente ou partilhados com colegas. A AMI (Assistência Médica Internacional), dispõe de um “Kit Salva Livros“, um kit criado para proteger e salvaguardar a integridade das capas dos livros e cadernos escolares, é uma solução solidária, com uma importante cadeia de beneficiários, que permite ajudar as crianças e jovens apoiados pela AMI.

Além da reutilização, o incentivo à leitura também deve ser prioridade. Encorajar os mais novos a ganharem o hábito de leitura visitando bibliotecas e adquirindo livros é uma mais-valia. Ler não só melhora as habilidades de comunicação e compreensão, como também expande horizontes e estimula a imaginação!

Guarde as nossas sugestões de papelarias e livrarias para este regresso às aulas!

R. Maria Andrade 64b, 1170-218 Lisboa, Portugal
de segunda a sexta: 8h00 às 20h00 sábados e feriados: 8h00 às 19h00 domingo: 9h00 às 13h00

Livraria e Papelaria Fonsecas

Arroios

Somos uma empresa familiar situada no centro de Lisboa, com as portas abertas desde 1992. Temos uma grande variedade de produtos: livros, jogos e brinquedos, material escolar, artístico e de escritório, e muito mais.

Avenida de Roma, 11A
Segunda a sábado das 9h às 23h/ Domingos e feriados das 10h às 19h

Livraria Barata

Guerra Junqueiro, Londres e Roma

António Barata abriu em 1957 um espaço onde pudesse proporcionar acesso a títulos essenciais que o regime não permitia. Durante os 17 anos que a loja viveu em ditadura, era ali o lugar onde conseguir livros proibidos, que já chegavam ao balcão devidamente embrulhados, expressão que se tornou comum para os designar. Essa ousadia valeu-lhe visitas regulares da PIDE e algumas detenções. Mas Barata acreditava na importância da leitura, no valor de ter acesso a bons textos, ao livre pensar – e isso marca esta livraria muito depois da sua morte.

É a segunda livraria mais antiga do país: 1840. A secção mais importante de livros é sobre História, mas este é também um lugar incontornável para a comunidade de leitores em francês, para os colecionadores de livros de arte e livros raros, ou antigos, nomeadamente livros de forais; também é visitada por amantes de livros de militaria, genealogia e heráldica, e de equitação e cavalos. Com tudo isto as estantes estão já lotadas, e no entanto ainda se reserva um espaço para novidades editoriais. No piso de baixo, sobre a sua característica calçada portuguesa, realizam-se evp...

Avenida de Roma, 44A

Sinfonia

Guerra Junqueiro, Londres e Roma

Nas memórias dos passeios pela Avenida de Roma há um momento reservado para passar na discoteca Sinfonia. Outrora eram duas as discotecas do bairro, esta e a Roma, mas com o fecho da segunda coube à Sinfonia manter esse lugar, contrariando a tendência de comprar música e livros nas grandes superfícies. É que o que começou por ser uma discoteca estendeu a oferta à venda de artigos de papelaria e livraria.

Abriu em 1955 com o nome comercial de R. Santos Moreira Lda. e foi trespassada em 1968. O projecto inicial do arquitecto Jop...

Rua Rodrigues de Faria 103, Lisboa, Portugal
Domingo e Segunda das 11h às 21h // Terça a Quinta das 11h às 23h // Sexta e Sábado das 11h à 01h

Ler Devagar

Alcântara

A Ler Devagar foi fundada em 1999 nas antigas instalações da Litografia de Portugal, no Bairro Alto. Passou por vários espaços no Bairro Alto e Braço de Prata desde que abriu portas, mas foi no Lx Factory, em Alcântara, que se fixou, em 2009, e onde se mantém até hoje. A Ler Devagar sempre foi conhecida pelo seu ambiente e conceito irreverentes onde livraria, galeria de arte, sala de concerto e bar se cruzam.

Conhecida pela sua imponderável bicicleta suspensa no teto, esta livraria distingue-se também pelas múltiplas singularip...

Rua Joao saraiva 28 A
Segunda a sexta das 14h às 19h / Sábado das 10h às 13h

Azert

Alvalade AZERT é uma Papelaria Criativa, Oficina de trabalhos em papel e Atelier de Artes. Aqui encontra artigos de papelaria, manualidades, brinquedos e presentes para todas as idades. Também pode encomendar flores de papel e artigos decorativos para festas e outras ocasiões. No nosso Atelier temos aulas de pintura, azulejo, desenho e diversos workshops de variados temas. Venha conhecer-nos!
Largo do Rato 13a/13b, 1250-096 Lisboa, Portugal
Segunda a sexta das 9h às 19h/ Sábado das 9h às 18h

Papelaria Fernandes

Estrela e Lapa

Foi em 1891 que abriu na então Rua do Rato a primeira de todas as “Papelaria Fernandes”. No primeiro quartel do século XX espoletou um importante desenvolvimento da área, por pertencer à loja uma fábrica de grandes dimensões onde chegaram a trabalhar 1500 pessoas, em diferentes turnos que funcionavam 24 horas. Para servir tanta gente apareceu comércio, como cafés e restaurantes, esboçando-se o Largo do Rato como hoje o conhecemos. A fábrica arrancou com a tipografia e o fabrico de sobrescritos, expandindo depois para a encadernação, litografia, gravura e cartonagem. Ao lop...

Rua de São Bento 394, Lisboa, Portugal
Segunda a Sábado das 10:30 às 18:30

Distopia – Livros, Música, Papelaria

São Bento

O nome escolhido para a livraria, Distopia, surge a partir de um dos géneros literários com algumas das obras mais marcantes da literatura internacional, nomeadamente “1984” de George Orwell, “O Admirável Mundo Novo” de Aldous Huxley ou “Fahrenheit 451” de Ray Bradbury. As sociedades descritas nestes universos ficcionais são anti-utopias, mundos caracterizados muitas vezes pela desumanização e por governos totalitários, e foram utilizadas por diversos autores como forma de crítica social e política, para chamarem a atenção para o declínio da sociedade real. Seguindo as pip...

R. José Estêvão 25, 1150-203 Lisboa, Portugal
Segunda a Sexta das 8h30 às 19h // Sábado das 8h30 às 13h

Papelaria Ribeiro

ArroiosA Papelaria Ribeiro é especializada na venda de material escolar e de escritório, assim como nos serviços de impressão de documentos, digitalização, encadernação e plastificação. No espaço encontra também revistas, jornais e livros, sendo possível o envio para todo o país. A loja disponibiliza também os serviços de tabacaria, ponto pick-up para levantamento de encomendas e Payshop para pagamento de diversos serviços. Artigos Escolares IRS-Preenchimento e entrega Livros Livros escolares-Reservas Carimbos Tinteiros Envio de Fax Digitalização de Documentos Plastificações Encadernações Jogos San...

Descubra mais

Programa 5 de Outubro

Hoje, dia 5 de Outubro, celebra-se o Dia da Implantação da República Portuguesa. Uma data para a qual a Assembleia da República e o Palácio de Belém criaram programas especiais, de entrada livre para todos. Na abertura das comemorações oficiais, o Presidente da República, o presidente da Câmara de Lisboa e o presidente da Assembleia […]

Plug-In: Exposição de Joana Vasconcelos no MAAT

A artista plástica Joana Vasconcelos inaugura nesta sexta-feira no MAAT – Museu de Arte, Arquitetura e Tecnologia – uma exposição individual que reúne obras inéditas produzidas pela artista desde 2000, e ainda obras da Coleção de Arte Fundação EDP, estabelecendo um diálogo entre o património da eletricidade, a tecnologia e as artes plásticas. Ao todo […]

Exposição “Proibido por Inconveniente” no antigo Edifício do Diário de Notícias

No âmbito da programação “Abril em Lisboa”, a exposição “Proibido por inconveniente” poderá ser visitada até dia 27 de abril, no Edifício do Diário de Notícias. A partir do espólio do Arquivo Ephemera, biblioteca e arquivo do historiador José Pacheco Pereira, mostram-se nesta exposição exemplos das várias censuras do Estado Novo. A entrada é livre […]